Maia diz que vai pautar terceira denúncia contra Temer se o MPF pedirTempo de leitura: 1 min.

0
257
Brasília(DF), 06/05/2017 - Rodrigo Maia _ Michel Temer _ Dia mundia do Meio Ambiente - Temer assina decreto que aumenta area do Parque da Chapada dos Veadeiros. Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), sugeriu que não blindará Michel Temer, caso o emedebista seja denunciado pela terceira vez por causa das investigações que apuram um esquema de corrupção no Porto de Santos (SP).

“Não estou atrás de informações e não tenho informação. A melhor coisa que faço é continuar com a pauta da Câmara não tratando desse tema. Já temos muitos problemas no brasil e estamos vivendo momentos de instabilidade econômica e política. Esse é outro assunto que vai gerar instabilidade. Se essa for a decisão do Ministério Público, vamos pautar, como pautamos as duas últimas denúncias”, disse o parlamentar à TV Folha.

A Polícia Federal apura um suposto favorecimento a empresas em troca de propina com o Decreto dos Portos, editado por Teme em maio do ano passado. Dois operadores do emedebista – coronel João Baptista Lima Filho e o ex-assessora da presidência da República José Yunes – se tornaram réus na Justiça do Distrito Federal, acusados de participarem de um esquema de arrecadação de propina para o MDB.

Outra revelação compromete Temer. Segundo o blog do Fausto Macedo, a psicóloga Maristela Temer, filha dele, afirmou à PF, que recebeu ‘uma ajuda de camaradagem, amizade, quase familiar’ do coronel Lima há muitos anos. Ela disse que a obra foi responsabilidade dela, mas que recebeu ajuda financeira da mãe e também fez um empréstimo no banco.